Candaule, Giges e Rodope

Localização inventarial: inv. 225

Em 1909, Lionello Venturi decifrou o tema deste quadro. Sua fonte textual é Heródoto que, no início da História (I,7-8), narra as causas remotas dos conflitos que opõem a Grécia à Ásia em inícios do século V a.C..

Heródoto introduz, neste contexto, a lenda de Candaule (século VII a.C.), tirano de Sárdis, capital do antigo reino da Lídia (na atual Turquia). Perdidamente apaixonado por sua esposa, Rodope, que ele considerava a mais bela mulher existente, Candaule decide mostrá-la a seu guarda de corpo, Giges, para que seus próprios olhos o convençam desta beleza superlativa. E o introduz secretamente em sua alcova. Mas Rodope apercebe-se de sua presença e vinga-se da humilhação a ela infligida pelo marido. Encontra-se sucessivamente com Giges e obriga-o, sob pena de morte, a matar Candaule em seu leito e a casar-se com ela.

O quadro de Dossi é possivelmente o primeiro a representar este tema e talvez mesmo o único no século XVI. Em todo o caso, ele retornará com alguma frequência entre os séculos XVII e XIX. Dosso Dossi figura-o de modo totalmente discrepante da narrativa de Heródoto, já que a exibição da nudez de Rodope não se dá aqui através de qualquer subterfúgio.

Embora se desconheçam as circunstâncias de sua encomenda e execução, seria interessante vincular este pequeno quadro à precoce manifestação do tema do voyeurisme que emerge na pintura vêneto-lombarda a partir sobretudo do terceiro decênio, em particular com Giulio Romano.

Trata-se de um raro momento de irradiação da poética de Giorgione sobre o jovem Dosso Dossi, como já propunha Roberto Longhi em 1928.

Luiz Marques
28/06/2010

Bibliografia
K. Hermann Fiore, in J. Bentini, S. Guarino, Il Museo senza confini. Dipinti ferraresi del Rinascimento nelle raccolte romane. Catálogo da exposição. Milão, Federico Motta, p. 130

Artista

DOSSI, Dosso (Giovanni Luteri ou Lutero)

Data

1508/ 1510

Local

Roma, Galleria Borghese

Medidas

41 x 56 cm

Técnica

Óleo sobre tela

Suporte

Pintura

Tema

Mitologia, História e Topografia Antigas

Período

36 - SÉCULO XVI

Index Iconografico

241 - História da Anatólia antes de Alexandre; 241LidCa - Candaule, Gige e Rodope; 1384 - O Erotismo; 1398 - Voyeurisme

Autor

Luiz Marques

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *