¿Más Café Don Nicolás?

“Esta cena interior, retrato de uma família camponesa, apresenta uma visão detalhada de alguns dos elementos tipificadores da vida rural da Ilha. ¿Más Café Don Nicolás? da autoria do pintor moderno cubano Francisco Gattorno tem a peculiaridade, de apresentar aspectos que dizem respeito a formação do artista na tradição pictórica ocidental e seu conhecimento profundo da obra de mestres da vanguarda europeia, neste caso específico particularmente com a produção de Gauguin. O tratamento dos personagens, a cor da pele e de seus rasgos fisionômicos, especialmente as da figura feminina que intervem na cena com a cabeça levemente ladeada, resultam profundamente familiares, se lembrarmos as representações que das mulheres taitianas realizara o pintor francês durante a segunda metade do século XIX.
A representação do camponês e sua família de Gattorno, tem a característica de conjugar assim uma linguagem pictórica de caráter universal na recreação de um contexto que o autor faz questão de localizar geográfica e culturalmente a partir da incorporação de uma série de elementos como: o café, o tabaco, tanto no charuto guardado no bolso da camisa homem quanto no cigarro na mão da mulher; a cadeira “”taburete”” combinação de couro e madeira típico do mobiliário rural cubano, o chapéu de fibras naturais, as plantas de cana-de-açúcar, banano e a palma real (árvore nacional) que formam parte da paisagem exterior iluminadas sob a luz brilhante do trópico, a construção arquitetônica de madeira crua, etc.
A obra possui também um carácter anedótico que se reforça a través do nome da mesma, dando a idéia de estarmos ante uma cena típica da acolhida camponesa a seus visitantes. Coadjuvan nesta idéia o chapéu na mão em sinal de bem-vinda e de respeito, as camisas de mangas cumpridas e fechadas ate o pescoço, tudo em prol de um retrato do camponêscubano do “”Guajiro”” um dos temas mais recurrentes
da vanguarda cubana.

Monica Villares Ferrer, Mestre
16/05/2010.

Artista

GATTORNO, Antonio (1904/1980)

Data

1936

Local

Havana, Museo de Bellas Artes

Medidas

45 x 50 cm

Técnica

Óleo sobre tela

Suporte

Pintura

Tema

Vida Social e Gênero

Período

O SÉCULO XX NA AMÉRICA HISPÂNICA E NO BRASIL

Index Iconografico

1512 - O Camponês e sua família

Autor

Luiz Marques

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *