O Pente de S. Heribert

O pente de S. Heribert, representando, em uma face, uma Crucificação e, no verso, uma decoração com motivos de folhas de acanto, é um objeto litúrgico, sendo utilizado pelos sacerdotes antes da missa ou por ocasião da consagração de um bispo. Trata-se de um exemplar tardio e excepcional de arte carolíngia, pertencente ao assim chamado segundo grupo de marfins originários de ateliês de Metz.

Ele traz a representação do Sol e a Lua, signos de conjunção cósmica e da transformação do dia em noite durante a Crucificação, prodígio descrito pelos quatro Evangelhos.

Por outro lado, surgem aqui os anjos que lamentam a morte de Cristo, figuras usuais nas representações sucessivas ao longo dos séculos XII a XV.

Luiz Marques
07/05/2010

Artista

Anônimo

Data

970c. - 1021

Local

Colônia, Schnütgen Museum

Medidas

desconhecidas

Técnica

marfim

Suporte

Artes decorativas

Tema

Bíblia e Cristianismo

Período

OCIDENTE MEDIEVAL

Index Iconografico

610 - Crucificação e Imagens do Gólgota

Autor

Luiz Marques

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *