O pesadelo

Em uma tenda espectralmente iluminada, uma jovem em camisola
branca dispõe-se sobre um leito, adormecida ou desacordada,
com a cabeça e os braços pendentes, em uma postura
marcadamente erótica. Uma criatura diabólica e simiesca, que
a fita sorridente, oprime seu estômago, agachada sobre ele.

Atrás, surgindo do ingresso da tenda, aparece a cabeça de
uma égua branca, com os olhos brilhantes e esbugalhados.
Trata-se da night mare (nightmare em inglês
significa pesadelo), a égua da noite, sobre a qual cavalga,
segundo uma crença popular inglesa, o Incubus.

Como mais de uma vez observado, a presente pintura
representa ao mesmo tempo o pesadelo e uma cena de pesadelo.
O fato de que o espelho à direita não reflita as figuras do
pesadelo sublinha sua irrealidade.

A primeira versão desta que é a mais emblemática criação de
Füssli (1741-1825) remonta a 1781. Trata-se da obra exibida
em 1782 na Royal Academy de Londres e hoje no Detroit
Institute of Arts. Seu estrondoso sucesso sobretudo na
Inglaterra, que se estende ao âmbito da sátira política,
induz o artista a reproduzi-la em gravuras (executadas por
Laurede em 1782 e por Burke em 1783) e a pintar outras
versões do mesmo tema em Roma, inclusive esta de 1790 ou
1791, com a figura feminina orientada para a esquerda.

Esta versão, outrora na coleção de Paul Gans, fornece o
modelo para a gravura de Holloway, no The Botanic
Garden
(1791) um longo poema em duas partes de Erasmus
Darwin, avô de Charles Darwin e de Francis Galton. Muito
mais tarde, em 1821, a pintura viria ainda a inspirar
Charles Nodier em seu conto Smarra ou les Démons de la
nuit
.

É sabido que o interesse de Füssli pela temática do sonho
foi estimulado pelos escritos de seu amigo e compatriota, o
filósofo, poeta e teólogo Johann Kaspar Lavater, também ele
nascido em Zürich no mesmo ano de 1741. Segundo uma hipótese
de Janson (1963), na origem dessa invenção estaria o
desafortunado amor do artista por Anna Landolt, sobrinha de
Lavater, cujo retrato figura no verso da primeira versão do
quadro, hoje em Detroit.

Luiz Marques
25/10/2011

Bibliografia:
1963 – H.W. Janson, “Fuseli´s Nightmare”. Arts and Sciences,
II, I.
1977 – G. Schiff, P. Viotto, L´opera completa di Füssli.
Milão: Rizzoli, p. 102
1996 – G. Bott, Simboli e miti del romanticismo tedesco. La
pittura tedesca. Milão: E

Artista

FÜSSLI, Johann Heinrich

Data

1790/ 1791

Local

Frankfurt, Frankfurter Goethe-Museum

Medidas

76 x 64 cm

Técnica

Óleo sobre tela

Suporte

Pintura

Tema

Alegorias e Temas Artísticos Morais e Psicológicos

Período

SÉCULO XVIII

Index Iconografico

1173 - O sonho, o pesadelo

Autor

Luiz Marques

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *