Victor Noir

O monumento funerário a Victor Noir existente no Cemitério Père Lachaise, em Paris, traz uma representação em tamanho natural do jovem jornalista liberal do periódico Marseillaise, editado por Henri Rochefort.

Yvan Salmon, chamado Victor Noir (1848-1870), foi morto a sangue frio pelo primo de Napoleão III, Príncipe Pierre Bonaparte, em 10 de janeiro de 1870. A indignação que seu … Continue lendo...

Vênus anadiômene

As oito estátuas que adornam os nichos do Studiolo de
Francisco I dei Medici (1541 – 1587) foram encomendadas a
oito diversos artistas entre 1570 e 1574. Ausente da
documentação relativa à evolução das obras de decoração do
Studiolo, a atribuição desta Vênus anadiômene a Vincenzo
Danti (1530-1576) é mérito de Herbert Keutner (1958).

No programa ou invenzione de Vincenzio Borghini,
dedicado … Continue lendo...

Túmulo de Manuel Ferraz de Campos Salles (Imagem 6)

(continuação do texto que acompanha a imagem 5)

A figura das Finanças feita Rodolfo Bernardelli para o
túmulo de Campos Salles veste uma túnica e porta um longo
véu sobre a cabeça.

Ela segura com a mão direita alguns livros e na esquerda uma
espécie de cornucópia, símbolo da fartura, fertilidade,
riqueza e abundância, repleta de moedas.

A nosso ver, … Continue lendo...

Túmulo de Manuel Ferraz de Campos Salles (Imagem 5)

(continuação do texto que acompanha a imagem 4)

A figura da Justiça feita Rodolfo Bernardelli veste uma túnica
e porta um longo véu sobre a cabeça. Ela segura com a mão
direita uma balança fechada e, com a outra, abraça uma espada
e um ramo de folhas de louro.

A nosso ver, alegoria porta os atributos da justiça e da … Continue lendo...

Túmulo de Manuel Ferraz de Campos Salles (Imagem 4)

(continuação do texto que acompanha a imagem 3)

A figura esculpida por Rodolfo Bernardelli deriva da
simbologia cívica e do imaginário republicano francês
oitocentista e representa a República. É uma imagem de
mulher vestida à romana e com o barrete frígio na cabeça.

Rodolfo Bernardelli recriou essa figura no Túmulo de Campos
Salles. A alegoria, que segura um maço de … Continue lendo...

Túmulo de Manuel Ferraz de Campos Salles (Imagem 2, detalhe)

(continuação do texto que acompanha a imagem 1)

A obra foi alterada quando a viúva do político pediu ao
escultor que substituísse a estátua de Campos Salles pela
figura da República, em atitude de quem espalha flores sobre
o sarcófago e com coroas ou palmas nas mãos. A nosso ver,
nesse momento o artista recuperou, para compor a imagem
feminina … Continue lendo...

Túmulo de Manuel Ferraz de Campos Salles (Imagem 1)

Manuel Ferraz de Campos Salles nasceu em Campinas em 1941 e
formou-se em Direito pela Faculdade do Largo de São
Francisco em 1863. Ele assinou o Manifesto Republicano em
1870, tendo sido também um dos realizadores da Convenção de
Itu (1873).

Campos Salles foi Deputado Provincial e Geral e ministro da
Justiça durante o governo provisório da República. Foi ainda … Continue lendo...

Testa di Marinaio [Cabeça de Marinheiro]

“Cabeça de Marinheiro” é uma escultura em bronze apresentada por Achille d´Orsi (1845-1929) na Exposição da Academia de Brera de 1878.

A obra demonstra o interesse do escultor italiano em representar pessoas do povo, como marinheiros, carroceiros ou pescadores.

Como aponta Mimita Lamberti, a escultura de d´Orsi corresponde ao gosto verista de uma aproximação direta entre a pesquisa folclórica e … Continue lendo...

Sansão e os filisteus

Em 1504, de acordo com o que foi deliberado pelos mais importantes artistas de Florença na célebre reunião promovida pela Opera del Duomo, o David de Michelangelo foi conduzido à Piazza della Signoria. Colocado à esquerda da porta de ingresso do palácio que simbolizava o poder administrativo da cidade, ocorreu quase que imediatamente a Pier Soderini, gonfaloniere perpétuo da República, … Continue lendo...

Artista

Michelangelo Buonarroti (a partir de um modelo de)
Data
1550