O cofre de Projecta (2)

(continuação do comentário da tampa desta obra)

Três lados da tampa são decorados com temas mitológicos, o
mais importante dele mostra Vênus Urânia em sua concha
marinha segurando um espelho entre tritões cavalgados por
Erotes.

Nas outras faces, vêem-se Nereidas cavalgando um
ketos (um monstro marinho) e um hippocampus (um
monstro meio cavalo, meio peixe).

(continua no comentário à imagem … Continue lendo...

O cofre de Projecta (1)

Registro inventarial: M LA. 66. 12-29.1

Este suntuoso cofre de prata de quase 60 cms de comprimento
foi exumado em julho de 1793 nas ruínas de uma residência
situada sob o coro das monjas da igreja de S. Francesco di
Paola, na via Via di S. Lucia in Selci, no sopé do
Esquilino, em Roma. Trata-se de uma das mais … Continue lendo...

Missorium, dito o Escudo de Aquiles

Registro inventarial: Département des Monnaies, médailles et antiques, inv. 56.344

Encontrada no rio Ródano em 1656 e adquirido em 1697 por Luís XIV, após passar pelas coleções De Mey e Peylata, esta enorme bandeja circular (missorium), pesando 10 kgs, é um dos maiores exemplares conservados da arte da prata na Antiguidade e um dos raros exemplos de arte … Continue lendo...

Cofre de Projecta (3)

(continuação do comentário à segunda imagem da tampa desta
obra)

O corpo do cofre mostra, ao centro, Projecta sentada em sua
residência, em vias de fazer sua toilete e auxiliada por
duas servas. Trata-se possivelmente da cena de preparação da
noiva para suas núpcias, que tinha lugar na noite anterior a
essa cerimônia em Roma. Nas extremidades, vêem-se pavões e, … Continue lendo...