Página de posts

A Dança da Madalena

Maria de Magdala, mais tarde Maria Madalena, é citada nos Evangelhos, precisamente em Lucas,8,2: “Maria, chamada Madalena, da qual haviam saído sete demônios”. A tradição assimilou-a à Maria de Betânia, irmã de Marta e de Lázaro, mas sobretudo à pecadora anônima, no episódio do convite à ceia na casa do fariseu (Lucas, 7,36-50), durante o qual, ela unge de perfume … Continue lendo...

A dança

A dança (1866-69) foi o mais polêmico trabalho de Jean-Baptiste Carpeaux. Encomendada por um velho amigo do artista, o arquiteto Garnier, foi concebida para integrar, com outros grupos escultóricos, a decoração da Ópera de Paris.

A obra destoava completamente dos outros trabalhos, pela vivacidade e movimentação que apresentava. O artista representou mulheres nuas, que dançam em torno de figura principal … Continue lendo...

A Cortesã amorosa

“Registo inventarial: R.F. 1985-80

Entre 1732 e 1741, Pierre Subleyras pinta quatro telas ilustrando os Contos de La Fontaine, provavelmente para o duque de Saint-Aignan, embaixador da França em Roma durante esses anos. Conservam-se desta série várias versões.

La Fontaine narra a história de Constance, uma famosa cortesã romana particularmente orgulhosa que rejeitava todos os homens, até cair apaixonada por … Continue lendo...

A Corar a Roupa

O quadro do pintor José Malhoa (1855-1933) relaciona-se à pintura de gênero portuguesa do final do século XIX, que se ocupava de temáticas extraídas da vida cotidiana das camadas populares naquele país.

O artista retrata uma jovem lavadeira em atividade de molhar os lençóis ensaboados, colocados para corar ao sol.

O artista cria uma paisagem ensolarada, na qual se distinguem … Continue lendo...

A convalescença de Bayard

Registro inventarial: inv. 7473

Pierre Terrail, senhor de Bayard (1476-1524), conhecido
sobretudo pelo apelativo chevalier Bayard, foi uma
personagem da aristocracia francesa, proveniente do
Dauphinois, que se distinguiu nas guerras da Itália. Sua
vida foi objeto de uma obra, célebre romance de cavalaria em
sua época, intitulada Très joyeuse et très plaisante
histoire du gentil seigneur de Bayart, le bon
Continue lendo...

A Construção do Templo de Jerusalém

O Antigo Testamento (1 Reis 4-6). é a fonte desta cena da construção do Templo de Jerusalém pelo rei Salomão, cujo reinado estende-se por quarenta anos (968 – 928 a.C.). Salomão obedece à ordem de Iahweh transmitida a seu pai, o rei Davi: “Teu filho, que colocarei no trono em teu lugar, é quem construirá um Templo para meu Nome”. … Continue lendo...

Artista

PESELLINO, Francesco di Stefano, chamado Il
Data
1445