Burgomestre Arnold von Brauweiler

Bartholomäus Bruyn (1493-1555) foi em seu tempo o mais prestigiado retratista de Colônia, criando nesta cidade uma tradição local de retratística herdada na segunda metade do século XVI por seu filho homônimo

Todos os retratos de Bruyn são de meia figura e se situam atrás de um parapeito sobre o qual eles posam as mãos, mas enquanto a maior parte … Continue lendo...

Autorretrato em um espelho convexo

Registro inventarial: inv. n. 286

Na “Vida de Parmigianino” (1568), Giorgio Vasari descreve
esta obra entre as três executadas pelo artista (1503-1540)
como uma própria recomendação destinada a abrir-lhe as
portas da corte de Clemente VII em Roma:

[Parmigianino] per investigare le sottigliezze dell´arte,
si mise un giorno a ritrarre se stesso guardandosi in uno
specchio da barbieri, di que´
Continue lendo...

Artista

PARMIGIANINO, Francesco Mazzola, chamado il
Data
1524

Autorretrato (?)

Pai do grande pintor e escultor Alonso Berruguete (1488c. –
1561), Pedro Berruguete (1450c. – 1500c.), originário de
Paredes de Navas (Palencia), foi pintor dos Reis Católicos
Ferdinando II de Aragão e Isabel de Castela.

Um documento de 1477, citado por Luigi Pungileoni, hoje não
mais localizável, menciona certo “Pietro Spagnuolo pittore”
ativo na corte de Federigo da Montefeltre em … Continue lendo...

Auto-retrato (?)

A atribuição da obra a Lorenzo Lotto (1480c.-1556) e sua identificação como um auto-retrato foi proposta por Federico Zeri. Lotto teria aqui uma idade entre 30 e 40 anos, o que justifica a datação da obra entre 1510 e 1520.

A obra não é documentada e não comparece nas monografias mais antigas do artista.

Bibliografia
1992 – J.M. Pita Andrade, … Continue lendo...

Auto-retrato

O retrato fazia parte da coleção de Auto-retratos do Cardeal Leopoldo de` Medici (1617-1675). A obra foi atribuída, alternativamente, a um artista do círculo de Vasari.

Bibliografia
1994 – U. Baldini, Giorgio Vasari pittore. Florença, Il Fiorino, p. 187… Continue lendo...

Anúncio aos Pastores e Adoração dos Pastores

Em uma das faces da base marmórea, lê-se a inscrição: AMICUS BONONIENSIS FACIEBAT.

Uma das quatro obras assinadas de Amico Aspertini (1474-1552), esta Adoração dos Pastores, com ao fundo a cena do anúncio, foi pintada pelo grande artista bolonhês durante sua estada juvenil em Roma, onde, junto com o pai, Giovanni Antonio Aspertini, empenha-se na decoração pictórica do orgão … Continue lendo...

Anunciação

A Anunciação não é mencionada por Marcos e João. Mateus 1,18 a menciona sumariamente. A narrativa encontra-se em Lucas 1,26-38.

Após o Noli me tangere*, pintado em 1509-1510, este é o segundo quadro pintado por Andrea del Sarto (1486-1531) para a igreja agostiniana de San Gallo.

É forte a impregnação da experiência romana, na arquitetura, nas ruínas ao fundo … Continue lendo...

Ambroise Volmar Keller

Entre 1517 e 1545, data de sua morte, Hans Baldung viveu em Strasbourg, cidade onde pintou numerosos retratos, entre os quais este de Ambroise Volmar Keller, canônico da igreja de Saint-Pierre-le-Jeune.

Impressionam a austeridade e o caráter profundamente religioso do comitente que se faz retratar sob uma rocha em uma paisagem desoladamente agreste, como um novo S. Antonio Abade e, … Continue lendo...