Túmulo de Manuel Ferraz de Campos Salles (Imagem 5)

(continuação do texto que acompanha a imagem 4)

A figura da Justiça feita Rodolfo Bernardelli veste uma túnica
e porta um longo véu sobre a cabeça. Ela segura com a mão
direita uma balança fechada e, com a outra, abraça uma espada
e um ramo de folhas de louro.

A nosso ver, alegoria porta os atributos da justiça e da … Continue lendo...

Túmulo de Manuel Ferraz de Campos Salles (Imagem 4)

(continuação do texto que acompanha a imagem 3)

A figura esculpida por Rodolfo Bernardelli deriva da
simbologia cívica e do imaginário republicano francês
oitocentista e representa a República. É uma imagem de
mulher vestida à romana e com o barrete frígio na cabeça.

Rodolfo Bernardelli recriou essa figura no Túmulo de Campos
Salles. A alegoria, que segura um maço de … Continue lendo...

Tubal-Caim e a Alegoria da Música

“Registro inventarial: inv. n. 80

Outrora na coleção do cardeal Aldobrandini, a obra, típica
da excentricidade poética do grande pintor de Ferrara, Dosso
Dossi (1490-1542), passou em inícios do século XVII à
coleção Borghese em Roma, junto com outras célebres telas
conservadas no castelo dos Este em Ferrara.

Ela representa Tubal-Caim golpeando com seus martelos uma
bigorna, inspirado por um … Continue lendo...

Triunfo de João Corvino

Registro inventarial: MS Clmae 417

Matias Corvino, nascido Hunyadi (1443-1490) foi rei da Hungria de 1458 a 1490, data de sua morte em Viena. Sua educação foi toda italiana e em italiano e seu reinado pautou-se pelo modelos de civilização dos grandes centros italianos da segunda metade do Quatrocentos, imitação de que se beneficiaram as principais cidades de seu reino. … Continue lendo...

Toteninsel (A ilha dos mortos)

Pintada em Florença, a obra é a primeira de uma série de cinco versões do mesmo tema, que Arnold Böcklin (1827-1901) chamava “ilha silenciosa” e “ilha das tumbas” (Die Gräberinsel), sendo o marchand Fritz Gurlitt, comitente da terceira versão em 1883, que a batiza de Toteninsel.

A segunda versão encontra-se no Metropolitan Museum de New York (1880), a terceira … Continue lendo...

Taddeo Zuccari desenha as estátuas antigas no Belvedere

Registro inventarial: inv. 99.GA.6.17

Este desenho de Federico Zuccari (1542/3-1609) representa o
irmão, Taddeo (identificado pela inscrição na orla do
casaco), sentado, em vias de copiar o “Laocoonte” e
presumivelmente também as outras celebérrimas estátuas do
Cortile delle Statue do Belvedere no Vaticano, dentre as
quais são visíveis o Apolo do Belvedere e as duas divindades
fluviais jacentes: o Nilo … Continue lendo...

Suicídio do artista em seu ateliê

O fascínio pela angústia da morte artística e física do
artista, pela morte como essência de seu destino, produzira-
se com grande radicalidade notadamente na cultura germânica.

Antes de 1817, Franz Freiherr von Maltitz escrevia:

Auf dem wahren Künstlergange
Lebt´s hienieden sich nicht lange,
Trägt in sich den Todeskern
Wahre Künstler sterben gern

“No verdadeiro caminho do artista
Aqui em … Continue lendo...

Studiolo de Francesco I

“A partir de agosto de 1570, Francesco I dei Medici (1541 –
1587) ordena que o ambiente outrora destinado a seu próprio
dormitório seja convertido em um Studiolo.

A tal fim, ele foi decorado por uma equipe de artistas
florentinos, dentre os quais se contam, entre outros, os
escultores Vincenzo Danti, Giambologna e Vincenzo De Rossi e
os pintores Giovanni … Continue lendo...