Medalhão áureo de Augusto

Registro inventarial: inv. Fr. 3692

Encontrado em Pompéia em 1759, este medalhão áureo de
Augusto foi cunhado na casa da moeda de Lugdunum (Lyon).
Trata-se de um unicum.

À direita, Augusto com coroa de louros dentro de um círculo
perolado, e a inscrição: Divii Pater Patriae Caesar
Augustus
. À esquerda, a figura de Diana, com um longo
peplos, voltada para a direita, com o arco e em ato
de tirar uma flecha do carcás.

Em exergo, as inscrições: Imp XV e Sicil

A referência à Sicília faz supor que a figura da deusa
derive talvez de uma estátua de Diana do santuário de
Segesta ou de Erice. De qualquer modo, a presença de Diana
no reverso de uma medalha de Augusto liga-se sem dúvida ao
fato de que esta divindade o havia levado à vitória sobre
Sexto Pompeu em 3 de setembro de 36 a.C. na batalha naval de
Naulochos, ao largo da costa siciliana, comandada pelo fiel
amigo Agripa.

O Senado, a ordem equestre e o povo romano (senatus et
equester ordo populusque Romanus universus
) consagram
oficialmente Augusto com o título de Pater Patriae em
2 a.C., data de seu 13º Consulado, tal como narra Suetônio
(Divus Augustus, 58) e o próprio Augusto ao final de seu
Res gestae Divi Augusti, o que em princípio
forneceria um terminus post quem para este medalhão,
a menos que o título estivesse já informalmente em
circulação antes do decreto senatorial.

Luiz Marques
27/06/2011

Artista

Arte Romana

Data

-2a.C - 14 d.C.

Local

Nápoles, Museo Archeologico Nazionale

Medidas

desconhecidas

Técnica

Ouro

Suporte

Escultura

Tema

Mitologia, História e Topografia Antigas

Período

ARTE GRECO-ROMANA

Index Iconografico

380 - Cenas e Personagens de Roma sob Augusto; 380B -
Augusto; 12Dia - Diana, Ártemis, Dictina, Selene, Lua; 1700B
- Retratos Escultura; 1700B2 - Retrato Mitológico e Alegórico

Autor

Luiz Marques

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *