Papa Paulo III e seu neto Alessandro

Este retrato inacabado foi por muito tempo identificado com o de Clemente VII (sobre a base de um inventário da coleção Farnese em Parma, de 1680) e o clérigo Pietro Carnesecchi, queimado pela inquisição como herético em 1567.

Neste caso, tratar-se-ia do último retrato de Clemente VII, morto em 1534, aos 56 anos. A proposta parecia tanto mais sugestiva pelo fato de que a ardósia sobre a qual Sebastiano del Piombo pinta, material considerado de natureza a lhe assegurar uma ilimitada duração, contrastaria então com a fragilidade da figura de Clemente VII, profundamente abatido e com uma longa barba, após as humilhações e sofrimentos a ele infligidos pelo saque de Roma de 1527.

A comparação entre esta figura de ancião e a fisionomia arrogante e plena de vitalidade que surge em 1526 no retrato que lhe pinta Sebastiano del Piombo, hoje em Nápoles, Museo e Gallerie Nazionali di Capodimonte, forneceria o mais eloquente resumo do impacto do saque sobre o papa e sobre Roma.

Mais recentemente, contudo, considera-se, segundo a proposta de Ramsden (1969), que o retrato em questão figure o papa Paulo III (aos 66 anos) e seu neto Alessandro, obra mencionada por Giorgio Vasari (1568) na Vida de Sebastiano del Piombo:

Ritrasse il medesimo papa Paolo Farnese subito che fu fatto pontefice, e cominciò il duca di Castro suo figliolo, ma non lo fini (…)

“Retratou o mesmo papa Paulo Farnese, tão logo eleito pontífice, e começou o retrato do duque de Castro, seu filho, mas não o terminou (…)”.

Não conhecendo diretamente a obra, Vasari teria apenas confundido a figura de Pier Luigi Farnese, duque de Castro, com a de seu filho e neto do papa, Alessandro, logo nomeado cardeal, aos 14 anos.

Como nota Lucco, o gesto do papa parece ser o de abençoar uma bolsa de moedas destinada à caridade, oferecida por Alessandro, para a sua nomeação.

Luiz Marques
08/12/2010

Bibliografia
1969 – E.H. Ramsden, “A lost portrait and its identification”. Apollo
1980 – M. Lucco, L´opera completa di Sebastiano del Piombo. Milão, Rizzoli Editore, p. 120

Artista

Sebastiano del Piombo (Sebastiano Luciani, dito)

Data

1534- 1535

Local

Parma, Galleria Nazionale

Medidas

102 x 87,5 cm

Técnica

1test

Suporte

Pintura

Tema

A Figura Humana Retratos e Caricaturas

Período

36 - SÉCULO XVI

Index Iconografico

1700C - Retratos Pintura; 1700C1 - Retratos contemporâneos

Autor

Luiz Marques

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *