Retrato de Carlos V

Um primeiro retrato de Carlos V por Tiziano, perdido, mas documentado por uma gravura de Giovanni Brito, documenta a viagem de ambos a Bolonha em 1529, quando o papa Clemente VII, não obstante o trauma e a humilhação do Saque de Roma de 1527, coroa-o imperador.

Do segundo encontro, também em Bolonha, resulta este retrato de Carlos V com seu cão inglês, cópia de um retrato executado em 1532 em Bassano pelo pintor austríaco, Jacob Seisenegger, para Fernando de Áustria.

Que Tiziano deva realizar um retrato a partir de uma cópia de um pintor de corte menor é indicativo de que as relações entre os artistas, mesmos os maiores, e seus comitentes haviam-se alterado na Itália, sob o impacto de um novo modelo cultural espanhol ou hispano-habsbúrgico, exportado no rastro da conquista militar. A cópia não impede que Tiziano, que deve aqui se defrontar com seu primeiro retrato de corpo inteiro (já habitual ao norte dos Alpes), realize uma obra-prima.

Distanciado, por força dessa nova tipologia, da tradição humanista do retrato focado na fisionomia (com suas raizes na antiga fisiognomonia), Tiziano busca aqui, acima de tudo, a mise en scène do status imperial do retratado. Esta nova totalidade significante dispensa e mesmo exclui o privilégio do semblante. Tiziano isola a figura de Carlos V nos estreitos limites da pintura e o faz parecer mais alto e mais esguio ao retratá-lo de um ponto de vista ligeiramente dal sotto in su.

A ênfase nas vestes espetaculares do Imperador e, acima de tudo, este tipo de olímpica ausência de toda caracterização expressiva de sua fisionomia estão na raiz de um novo tipo de retrato que poderíamos chamar de “Retrato de Corte”, designação que parece mais precisa que o tradicional termo “Retrato de estado” (State Portrait).

Luiz Marques
20/05/2010

Bibliografia
1969 – F. Valcanover, L`Opera completa di Tiziano. Milão, Rizzoli, p. 107
1999 – M. Falomir Faus, Pintura italiana del Renacimiento. Museo del Prado. Madri, p. 140

Artista

TIZIANO Vecellio

Data

1533

Local

Madri, Museu do Prado

Medidas

192 x 111 cm

Técnica

Óleo sobre tela

Suporte

Pintura

Tema

A Figura Humana Retratos e Caricaturas

Período

36 - SÉCULO XVI

Index Iconografico

1700C1 - Retratos contemporâneos

Autor

Luiz Marques

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *