Sarcófago com o Rapto de Perséfone (Sarcófago de Carlos Magno)

Segundo Hesíodo (Theogonia, 910-913), Perséfones é filha de Zeus com Deméter. Na mesma passagem, o poeta refere-se a seu rapto por Hades, irmão de Zeus e deus dos Infernos:

“Ele [Zeus] entrou também no leito de Demeter, que lhe gerou Perséfones de alvos braços. Hades raptou-a de sua mãe e o prudente Zeus lha concedeu”

O mito da lutuosa busca de Deméter por Koré, sua filha raptada, chamada em seguida Perséfone, é narrado no Hino homérico a Deméter. Juntamente com Deméter e Triptolemo, Perséfone desempenha papel de relevo nos Mistérios de Eleusis. O tema de seu rapto, por razões evidentes, é adotado com frequência na iconografia funerária.

O presente sarcófago acolhe os despojos do Imperador Carlos Magno. O reemprego de sarcófagos antigos de parte de governantes após o desaparecimento das estruturas políticas do Império é prática comum.

No caso de Carlos Magno e dos sucessivos imperadores otonianos, que se fazem, como Oto III em 1002, enterrar em sarcófagos antigos, tal prática assume um particular valor simbólico, ao remeter à ideia de renovatio imperii ou translatio imperii, pedra angular da retórica carolíngia e, sucessivamente, do Sacro Império Romano-Germânico.

Luiz Marques
23/05/2011

Bibliografia:
2008 – P. Zanker, B. C. Ewald, Vivere con i miti. L´iconografia dei sarcofagi romani. Turim: Bollati Boringhieri, p. 12

Artista

Arte Romana

Data

180/ 200c.

Local

Aachen, Capitulo da Catedral

Medidas

desconhecidas

Técnica

Mármore

Suporte

Escultura

Tema

Mitologia, História e Topografia Antigas

Período

ARTE GRECO-ROMANA

Index Iconografico

12Plut - Plutão, Hades; 12Plut1 - O Rapto de Perséfones ou Proserpina; 12Dem1 - Deméter, Triptolemo e os mistérios de Eleusis

Autor

Luiz Marques

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *