Sumaúma em meio à Floresta Virgem

Nessa fotografia, Frisch registrou uma sumaúma em meio à floresta virgem. A maior árvore das florestas tropicais, (chega a 50 metros de altura) com raízes enormes, serve de ponto de referência para os barqueiros no Amazonas.

Encontrada nas matas de várzea e áreas periodicamente alagadas, apresenta raízes tabulares, as sapopemas, que podem atingir, dependendo da idade, comprimentos superiores a 7 … Continue lendo...

Sem título da série:

O fotógrafo cubano Rogelio López Marín conhecido como Gory, iniciará sua relação com as artes plásticas a partir da pintura, completando seus estudos como designer gráfico com um Mestrado em História da Arte. Esta formação inicial do artista no campo da pintura é fundamental para a compreensão de múltiplos elementos que entretecem o complexo discurso que subjaz nas suas fotografias.… Continue lendo...

Rue Vieille-Notre-Dame, próxima à Rue Monge-La Bièvre, Paris

A fotografia mostra a Rua Vieille-Notre-Dame, próxima à Rua
Monge-La Bièvre, em Paris. Marville explorou o contraste
entre a grande luminosidade da área ensolarada da rua e os
edifícios documentados em semi-penumbra.

Por volta de 1865, o fotógrafo foi contratado pela Comissão
dos Trabalhos Históricos, encarregada de elaborar uma
história geral de Paris, para realizar vistas das antigas
ruas da … Continue lendo...

Reunião num parque

Registro inventarial: inv. n. 52

Assinada por Jean-Baptiste Pater (1695-1736), a obra mostra a reunião festiva de jovens elegantes que se divertem indolentemente junto ao muro de um parque. Figuras do gênero feminino predominam na composição, além de exibir roupagens mais vistosas, com dominância de rosas, amarelos e laranjas “adocicados”, típicos da pintura deste período.

A cena se estrutura arquitetonicamente … Continue lendo...

Relación.

Esta paisagem de inspiração onírica do pintor cubano Tomás Sanchez é uma sorte de resumo da produção do artista nas ultimas três décadas, nas que o artista tem realizado uma nova leitura da paisagem como gênero pictórico, amparado nas mais convencionais técnicas e suportes da pintura acadêmica. Considerado por alguns como um hiper-realista, Sanchez se apoia na fotografia de paisagem … Continue lendo...

Poste de iluminação pública sobre a Pont des Arts, Paris

Charles Marville (1816-1878) trabalhou como ilustrador desde
a década de 1830, especializando-se em vistas urbanas.
Próximos a Marville se encontravam futuros grandes
fotógrafos em calotipia, como Le Gray, Le Secq, Nègre e o
inglês Fenton, jovens que também atuaram inicialmente como
ilustradores.

Entre 1851 e 1855, Marville associou-se a Blanquart-Evrard,
conhecido editor de livros ilustrados com fotografias, que
encomendou a … Continue lendo...

Porto da cidade de Nazaré, Bahia

A fotografia mostra a região portuária de uma cidade do Recôncavo Baiano, onde os saveiros eram abastecidos com alimentos destinados à capital da província. O fotógrafo explorou o jogo de reflexos na água, criando uma imagem poética, estruturada por meio das linhas verticais criadas pelos mastros das embarcações. Destaca-se ainda a geometria presente nos vários edifícios da região portuária.

Camillo … Continue lendo...

Portais de Saint-Maclou em Rouen

Edmond Bacot teve formação em desenho e estudou pintura na Escola de Belas Artes de Paris, no ateliê do pintor Paul Delaroche, onde conviveu com outros futuros grandes fotógrafos como Charles Nègre e Gustave le Gray, entre outros. Ele começou a trabalhar com daguerreótipos na década de 1850.

Bacot manteve uma relação de amizade com a família de Victor Hugo, … Continue lendo...

Ponte sobre o Rio Paraíba (RJ)

“A litografia foi realizada para ilustrar o livro “”Brasil Pitoresco””, dos franceses Charles Ribeyrolles e Victor Frond, publicado entre 1859 e 1861. As fotografias foram utilizadas como base para as litografias realizadas na Maison Lemercier, em Paris.

Em primeiro plano vemos o arvoredo às margens do rio, que se estende em diagonal, estreitando-se no horizonte. A ponte de cinco arcos … Continue lendo...

Artista

FROND, V. (fotografia); H CLERGET (litografia)
Data
1858

Passeio Público, Salvador, Bahia

A litografia foi realizada para ilustrar o livro “Brasil Pitoresco”, de Charles Ribeyrolles e Victor Frond, publicado entre 1859 e 1861. As fotografias foram utilizadas como base para as litografias realizadas na Maison Lemercier, em Paris. De acordo com o projeto inicial, os autores do livro iriam percorrer a Bahia e Pernambuco. O falecimento de Ribeyrolles, em 1860, limitou o … Continue lendo...

Artista

FROND, V. (fotografia); BENOIST, Ph. (litografia)
Data
1858